A chuva que inundou a música gospel na metade da última década


Pouco menos da metade da última década a música gospel começou a experimentar uma onda de canções com a mesma temática em comum. É, essa mesmo que você leu no título da matéria, a chuva.

Citada diversas vezes na Bíblia, seja no sentido literal da palavra ou para metáforas, a chuva inspira compositores a escreverem canções sobre ela há bastante tempo, incluindo hinos da harpa ou do cantor cristão, mas, não tem como negar, uma fase da música evangélica ficou marcada com vários sucessos seguidos com esse tema. Relembre alguns abaixo.

Fernandinho, Faz Chover (2004)



A canção intitula o segundo álbum inédito de quem, futuramente, seria um dos maiores nomes da música gospel nacional. Com o passar dos anos e o aumento de sua notoriedade entre o público, a faixa se tornou um clássico das igrejas do país.

Eyshila, Chuva de Poder (2005)



Um dos maiores sucessos de seu ministério, a música fez parte do seu sexto álbum inédito intitulado como “Terremoto”. Mais tarde a faixa ganhou uma versão remix na coletânea Os Arrebatados.

Pamela, A Chuva (2004)


Intitulando seu quinto e, talvez, mais bem sucedido disco, a música se tornou febre entre os adolescentes evangélicos e foi coreografada em muitas igrejas.

Cassiane, Chuvas de Deus (2005)


Claro que uma das maiores cantoras pentecostais não ficaria de fora da lista. A canção é a quinta faixa do álbum “Sementes da Fé”, último inédito pela MK Music antes da turbulenta fase em seu ministério.

Grupo Ellas, O Som da Chuva (2005)


Interpretada por um dos melhores trios que a música gospel já teve, a canção se tornou uma das mais belas da curta, porém, marcante carreira das irmãs Betânia, Valéria e Roberta Lima.

Toque no Altar, Faz Chover (2003)


Conhecida por muitos pelo seu trecho “eu vejo uma pequena nuvem”, a música marcou a fase de ouro do ministério que ainda gerou outros inúmeros sucessos nas igrejas no mesmo período. A canção é uma versão de “Let it Rain”.

Soraya Moraes, Som da Chuva (2008)


A faixa não só foi um sucesso nas igrejas como se tornou a primeira música gospel a ganhar o Grammy Latino na categoria de Melhor Canção em Língua Portuguesa, entregue anteriormente e posteriormente apenas para artistas seculares.

Alda Célia, Chuva de Avivamento (2003)


A animada música abre o álbum “Jardim Secreto da Adoração”, um dos mais vendidos do ministério da cantora e compositora. A faixa também ganhou uma versão remix pouco depois.

Lauriete, Chuva Vem Molhar (2007)


A voz inconfundível da música pentecostal também interpretou o tema na nona faixa do álbum “Ensina-me”. Sendo uma canção bem pop, sempre imaginei ela na voz de Aline Barros.

Diante do Trono, Tua Chuva (2002)


Depois do sucesso do álbum “Preciso de Ti” o Ministério veio em seguida com o CD “Nos Braços do Pai”. E se o anterior tinha a animada “Em Teus Átrios” como faixa de celebração, essa preenchia o quesito no novo álbum.

E aí, qual sua favorita?
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário